ago 26, 2021

Benefícios e tendências da tecnologia em saúde

close-up-programmer-man-hand-tap-on-digital-tablet-for-register-data-system-or-access-password-with-virtual-interface-protection-of-cyber-security-at-operation-room-,-futuristic-technology-concept-1184871451_4156x2400

As ferramentas digitais já estão presentes em boa parte do nosso cotidiano. Pedir comida, ouvir música, assistir a um filme e encontrar um restaurante na região são só algumas das atividades que foram transformadas nos últimos anos por conta da tecnologia.

Na área da saúde, não seria diferente. A tecnologia avança rapidamente no segmento, melhorando a experiência de pacientes e médicos, assim como otimizando a gestão de consultórios, clínicas, hospitais e centros de diagnóstico.

Neste artigo, você conhecerá os benefícios, as ferramentas e as tendências atuais da tecnologia em saúde. Continue a leitura para saber mais!

Benefícios do uso da tecnologia em saúde

A tecnologia pode auxiliar a saúde em todas as frentes, desde a educação dos pacientes até a prática clínica, contribuindo para a promoção do bem-estar e da prevenção de doenças. Sejam pacientes, médicos ou instituições de saúde, todos saem ganhando.

As aplicações da tecnologia na área vão desde o diagnóstico precoce de doenças até um atendimento mais ágil e conveniente aos pacientes, fortalecendo a relação entre médicos e pacientes e eliminando diversas barreiras — como a geográfica, no caso da telemedicina.

Conheça, em detalhes, os benefícios da tecnologia na área da saúde:

Atendimento de qualidade aos pacientes

Mais exigentes e bem informados, os pacientes digitais não se contentam com menos do que um atendimento de extrema qualidade. Pessoas de todas as idades já recorrem à internet para procurar informações sobre sintomas, encontrar especialistas, tirar dúvidas e marcar consultas. 

Um serviço que era um diferencial até pouco tempo, mas que tem se tornado cada dia mais essencial para atender a esta demanda é o sistema de agendamento online de consultas. Ao exibir a agenda e diversos canais, como site, redes sociais, Google Meu Negócio e WhatsApp, o centro médico fica aberto para marcações 24h por dia e os pacientes têm a liberdade de consultar a disponibilidade de horário sempre que quiserem, assim como autonomia para concluir o agendamento por conta própria

O envio de lembretes automáticos é mais uma possibilidade proporcionada pela tecnologia para contribuir com um melhor atendimento, ajudando ainda a criar uma comunicação mais eficaz e evitar o no-show. Outras ideias são chat direto com o especialista, app próprio com acesso a exames e histórico, sala de espera virtual e check-in online.

Gestão mais eficiente do centro médico

Fazer uma boa gestão é outro desafio enfrentado por clínicas e hospitais. Afinal, a depender do número de especialistas, são diversas agendas para conciliar e, consequentemente, um alto número de pacientes, informações e tarefas a serem administradas. 

Por meio da tecnologia, os dados do centro médico podem ser organizados e integrados, facilitando também o trabalho realizado pela recepção. Diversas atividades realizadas pela equipe, que costuma ter uma rotina sobrecarregada, podem ser automatizadas, deixando tempo livre para que esses profissionais foquem nos afazeres que realmente não podem ser substituídos: como dar atenção aos pacientes que buscam ajuda. 

👉 Leia também: 3 ferramentas para otimizar as tarefas da recepção da sua clínica

O uso da tecnologia em saúde pode, ainda, descomplicar outras tarefas de gestão, como o controle financeiro, dos colaboradores e do estoque, além da padronização dos procedimentos e mensuração dos resultados

Por meio de sistemas voltados especificamente para a área da saúde, é possível integrar os setores de forma eficiente, o que se reflete em mais produtividade, otimização de processos e redução de custos, além, é claro, do atendimento de qualidade, que já mencionamos no item anterior.

Informações integradas

A integração das informações é outro benefício da tecnologia em saúde. Por meio de ferramentas como o Prontuário Eletrônico do Paciente (PEP), é possível acessar o histórico de cada pessoa, os exames feitos, diagnósticos recebidos, medicamentos prescritos, entre outras informações

Nas ferramentas mais modernas, os dados ficam armazenados de maneira segura em servidores externos, na nuvem, e podem ser acessados de qualquer dispositivo por quem possuir login e senha. Isso otimiza o trabalho da equipe e aumenta as chances do médico recomendar um tratamento mais adequado, já que todas as informações necessárias estão centralizadas, completas e há menos probabilidade de falhas humanas. 

Prevenção de doenças

A tecnologia em saúde também ajuda a prevenir doenças. Um exemplo são os chamados wearables, dispositivos que podem ser vestidos pelo paciente, como os relógios digitais, que são cada vez mais utilizados pelo público em geral.

Esse tipo de dispositivo permite medir batimentos cardíacos, pressão e outras informações, auxiliando nos cuidados preventivos. O médico pode monitorar o paciente à distância, identificando alterações e números que merecem atenção.

Redução de erros

Exames mais precisos e técnicas de cirurgia mais acuradas — por meio do uso da robótica, por exemplo — acesso a informações mais completas e dados integrados. Em resumo, todos os itens que citamos até aqui contribuem para uma saúde com menos erros.

Tecnologia em saúde: exemplos e tendências

Tendências da tecnologia em saúde - Doctoralia

No tópico anterior, você conheceu os principais benefícios da tecnologia em saúde. Nele, citamos alguns exemplos de ferramentas que podem ser utilizadas. Agora, vamos falar de algumas delas com mais detalhes. Você vai conhecer, também, tecnologias que ainda não são tão comuns, mas que são apontadas como tendência para os próximos anos. 

Telemedicina

Só pela Doctoralia, o Brasil passou a marca de 1 milhão de consultas por telemedicina agendadas desde a liberação da modalidade, em março de 2020. Segundo o Panorama das Clínicas e Hospitais 2021, 65% das instituições pretendem continuar oferecendo consultas online mesmo quando a pandemia passar.

Panorama das Clínicas e Hospitais - telemedicina

Conforme a necessidade imposta pelo isolamento social foi fazendo com que pacientes e profissionais da saúde se familiarizassem com a ferramenta de vídeo, as vantagens da telemedicina se tornaram comuns ao dia a dia das pessoas. Hoje, o modelo de atendimento híbrido é a tendência: presencial quando for estritamente necessário, remoto quando for conveniente.

Com isso, o tempo de todos é valorizado. Não é mais necessário passar horas no trânsito, deslocar-se longas distâncias ou interromper drasticamente a rotina para cuidar da saúde — a não ser que o exame clínico seja essencial. Em poucos cliques, o paciente é atendido sem deixar o conforto do lar ou o ambiente de trabalho, e o médico pode prestar atendimento de qualidade de onde quer que esteja.

👉 Leia também: Futuro da Telemedicina: jornada híbrida do paciente entre o digital e o físico

Computação da nuvem

A computação na nuvem também já é uma realidade na área da saúde. Com a tecnologia, é possível ter mais segurança de dados e ainda reduzir custos, já que a instituição de saúde não precisa contar com servidores locais caros, que exigem manutenção, estão sujeitos a perdas e danos e ocupam espaço físico. 

Com o cloud computing, a infraestrutura pode ser terceirizada, permitindo que o centro médico acesse soluções de alta performance sem pagar mais caro por isso. Os softwares ainda podem ser acessados facilmente, bastando login, senha e conexão com a internet, já que não estão armazenados localmente.

Internet das coisas

A internet das coisas, também chamada de IoT (do inglês internet of things) tem sido muito comentada nos últimos anos. A premissa é simples: permitir que objetos do dia a dia possam se conectar à rede

Para a área da saúde, a IoT traz uma série de possibilidades. Permite, por exemplo, a coleta de dados como glicose no sangue, batimentos cardíacos, pressão sanguínea, passos caminhados no dia. Dessa forma, o paciente tem mais controle da sua saúde. Os dados também podem ser compartilhados com o médico para avaliação e monitoramento.

Data Analytics

O Data Analytics consiste na análise de uma grande quantidade de dados com um propósito definido. A inovação não consiste na coleta de informações simplesmente, mas, sim, nos insights que a análise desses dados pode trazer.

Na área da saúde, é possível fazer parcerias entre médicos e profissionais de TI, para fazer a análise preditiva de doenças, pré-diagnósticos e probabilidade de ocorrência de sintomas.

Como aprender mais sobre tecnologia em saúde?

Como você pode ver, a tecnologia na área da saúde não para de avançar e traz cada vez mais benefícios, como qualidade no atendimento, redução de custos, otimização da rotina do médico, comodidade para os pacientes e produtividade para a equipe do centro médico. 

Para ficar por dentro das novidades e aplicá-las na sua instituição de saúde, é fundamental acompanhar as tendências. 

No Health Experience Brazil 2021, evento 100% online que ocorrerá entre 4 e 6 de outubro, você conhecerá o que está impulsionando a mudança na área da saúde. Serão 3 dias de palestras com grandes nomes da área, além da possibilidade de networking virtual. 

HEx - Tecnologia em saúde

Porém, para garantir a qualidade e a riqueza das interações mesmo no ambiente digital, as inscrições serão limitadas a 150 participantes. Portanto, inscreva-se já para não ficar de fora! Junte-se aos melhores gestores de clínicas, hospitais e laboratórios e descubra qual caminho seguir e como agregar valor à experiência do paciente.

 Visite o site do HEX e garanta sua vaga! 😉

Evento com vagas limitadas  Garanta sua participação no Health Experience Brasil 2021 Inscrever-se

👉 Leia também: Marketing em saúde: como combinar campanhas online e offline